seu-corpo

Seu corpo

(Robson Bravo)

Seu corpo
O vapor
Nossas peles nuas
A razão das minhas buscas

Meu corpo
O calor
A cada suor que escorre
Meu olho por você percorre

Não sei mais como procedo
não posso te deixar sair
Não posso perder para o medo
Não ligo como vai repercutir

Seu corpo
meu corpo

Quero algemas em nossos braços
Reconhecer todos os seus traços
Não te dar nenhum agrado
Ser feliz por ter flagrado

E agora
Sei seu paradeiro a todo instante
só eu serei sua droga
na sua nova casa confinante
agora sempre ao meu alcance:
Seu corpo

Poema lido no Programa Piloto – com Robson Bravo, Luiz Yassuda e Sylvia Ferrari.

Publicado por

Não me convide para o seu sarau

Não me convide para o seu sarau é uma orgulhosa produção da Pickle Content. A Pickle Content é um coletivo de produção audiovisual que está na produção de alguns dos melhores podcasts do país, além de criar vídeos sob encomenda e para seus canais no YouTube. Conheça os nossos trabalhos. Acesse já o nosso site: picklecontent.tv.